Linhas de ação

Renda e Economia solidária

Diante dos grandes desafios colocados pela violência e pelo modelo de desenvolvimento sobre os povos e comunidades tradicionais, principalmente às comunidades pesqueiras, entre eles o da ideologia hegemônica do consumo como modo de vida e símbolo de progresso e felicidade, um grande desafio para o CPP é fortalecer, estimular e dar visibilidade às experiências de geração de renda e economia solidária que melhorem as condições de vida das comunidades e gerem aprendizados nos territórios.  

O CPP colabora para a afirmação do modo de vida das comunidades tradicionais em face de um contexto de negação da identidade, da importância social, política e econômica da atividade da pesca artesanal.

Confira logo abaixo, algumas das notícias publicadas, relacionadas a essa temática!

 

Conteúdo relacionado

Apresentamos os valores da economia que acreditamos e que lutamos diariamente para construir nas nossas comunidades, afirma a Articulação Brasileira da Economia de Francisco e Clara – ABEFC.

O seminário "Economía de Francisco y Clara para América Latina e Caribe", que acontecerá online nos dias 7 e 8 de novembro, propõe escutar as alternativas econômicas que brotam do sul global. Em sintonia com o evento convocado pelo papa Francisco, que acontecerá virtualmente em Assis, na Itália, a iniciativa Latino Americana e Caribenha surge como contraposição a um "modelo económico basado en las ganancias" (cf. FT 22).

Com redução no turismo e na demanda, pescadores artesanais relatam perdas em diversos municípios do estado, como Itapissuma e Itamaracá